Menu
 


Banner
Restaurante Oteque
Publicado em: 08/04/2018

Tem fã de bandas, de atrizes, escritores, cineastas e mais um monte de coisa, certo? No caso do Cesar, essa relação é com o chef Alberto Landgraf.

Quando o Epice, antigo restaurante do chef em São Paulo, fechou, nos sentimos órfãos porque realmente era um lugar especial para nós. Dois anos depois, finalmente Alberto volta a ter o próprio restaurante, o Oteque, no Rio de Janeiro.

E fã de verdade faz qualquer coisa para ver o ídolo, por isso, fizemos praticamente um bate-e-volta para o Rio só para jantar. Voamos no sábado à tarde e retornamos no domingo de manhã. Mas valeu muito a pena.

O restaurante fica em Botafogo, numa casa da década de 30. A fachada antiga foi preservada e, à primeira vista, até achamos estranho o restaurante estar ali. Mas, assim que você entra, muda tudo. Pé direito alto, iluminação cuidadosamente direcionada nas mesas, cozinha e bar. Tons sóbrios e muito inox na cozinha deixam o ambiente bem moderno, complementado pelos móveis de madeira e as louças brancas.

A única opção é jantar e fazer o menu degustação, com cinco pratos e alguns snacks. Custa R$ 195, sem vinho. Se quiser harmonizar, acrescenta-se mais R$ 150 ou R$ 300, dependendo dos rótulos.

O Menu
Quando seu time do coração entra em campo, não importa o resultado, para você ele já ganhou. Conosco acontece a mesma coisa quando visitamos um restaurante cujo chef tem o talento de Alberto.

A criatividade e genialidade de seus pratos são apresentadas de maneira simples, normalmente com poucos ingredientes e nomes objetivos e diretos. Talvez pelo clima mais praiano do Rio, o foco do chef está nos peixes e frutos do mar - maioria no menu-degustação.

Não vamos descrever cada um dos pratos, porque além de não fazer muito sentido, confessamos que faltariam palavras para realmente explicar a experiência.

Acreditamos que todo restaurante de autor tem algo muito além da cozinha e dos pratos em si. Quando vamos a estes lugares, tudo é importante: recepção, espera, louça, arquitetura, serviço, harmonização, ingredientes, ambiente e mais um monte de variáveis para completar a lista.

Entretanto, no caso das criações de Alberto, a verdade é que nada dessa lista importa. A comida é tão boa, e bem feita, que você é tirado daquele ambiente e levado a outro lugar, com sensações de sabores e texturas que tornam a experiência inesquecível.

 


Comentários

Este post ainda não recebeu nenhum comentário. Seja o primeiro!

Comentar